SEMAS INICIA A CAMPANHA FAÇA BONITO, ALUSIVA AO DIA 18 DE MAIO



A Administração Municipal Gestão e Trabalho, através da Secretaria de Assistência Social – SEMAS, realizou nesta Segunda-feira (02), a abertura da Campanha FAÇA BONITO, em alusão ao dia 18 de Maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes no ano de 2022.


A Campanha tem como objetivo erradicar os casos de violência sexual contra crianças e adolescentes, sensibilizando a população para que se possa identificar os casos e denunciar os agressores.


O dia 18 de maio é lembrado pela conquista que demarca a luta social pelos Direitos Humanos de Crianças e adolescentes no território brasileiro. Esse dia foi instituído pela Lei Federal 9.970/00 com base no “Crime Araceli”, ocorrido em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES). Desde o ano de 2000, nesta data, ocorre ações em todo Brasil com o objetivo de mobilizar a sociedade e convocá-la para o enfretamento e combate ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.


A campanha de 18 de maio tem como símbolo uma flor amarela, que faz referência aos desenhos da primeira infância.


Confira a Programação

02/05 – Lançamento Oficial da Campanha.

06/05 – Realizar conscientização sobre a campana nas rádios do município.

06/05 – Passeata às 17:00, com saída da prefeitura.

13/05 – Blitz Educativa no Semáforo às 07 horas.

18/05 – Fixação das flores nos canteiros de órgãos públicos.

18/05 – Carreata às 08 horas.


DENUNCIE

O Disque 100 é um serviço de disseminação de informações sobre direitos de grupos vulneráveis e de denúncias de violações de direitos humanos. Qualquer pessoa pode entrar em contato com alguma denúncia relacionada a violações de direitos humanos, da qual seja vítima ou tenha conhecimento.

O serviço funciona diariamente, 24 horas por dia, incluindo sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel, bastando discar 100.


Segundo dados do Disque 100, em 2021:

Das 18.681 denúncias de violências sexuais contra crianças e adolescentes, verifica-se a seguinte relação “Vítima X Suspeito”;


Padrasto/Madrasta: 2.617 DENÚNCIAS

Pai: 2.443 DENÚNCIAS

Mãe: 2.044 DENÚNCIAS

Tio: 1.379 DENÚNCIAS

Vizinho: 1.155 DENÚNCIAS